04/03/2022

EDTA: o que é, função nos cosméticos e uso seguro

Se você tem o hábito de ler os rótulos dos produtos que compra, certamente já se deparou com um ingrediente chamado EDTA, que pode assumir algumas nomenclaturas diferentes, dependendo do fabricante.

O EDTA é usado em praticamente todos os cosméticos e também na indústria alimentícia, mas nós vamos falar disso mais para frente.

Nosso objetivo com esse texto é te mostrar os prós e os contras desse ingrediente, avaliando se de fato ele é um vilão nos cosméticos ou não. 

Mas antes, precisamos contextualizar esse assunto, por isso vamos falar também sobre como funciona a indústria de cosméticos convencionais e porque é preciso usar conservantes nesses produtos. 

Vamos também explicar a diferença entre os cosméticos convencionais e os naturais, para então chegar no assunto EDTA, explicando o que é esse composto, para que ele serve e porque é tão usado.

 

Como funciona a indústria de cosméticos convencionais

A indústria de cosméticos convencionais é um mercado em ascensão, no Brasil e no mundo. A produção de cosméticos está sempre evoluindo e se transformando, cada vez mais fazendo uso da tecnologia, para entregar produtos mais eficazes.

Em contrapartida, para entregar toda essa eficiência, as indústrias fazem uso de ingredientes que não são necessariamente saudáveis para o corpo humano.

Mas, mesmo assim, todas precisam seguir rígidos padrões de funcionamento impostos pela ANVISA (Agência Nacional de Vigilância Sanitária).

Essas regras abrangem desde o tipo e a quantidade de ingredientes que podem ser usados nas fórmulas, até os maquinários usados, o local da fábrica e sua manutenção e limpeza.

E quando falamos que a ANVISA estipula regras para o uso de ingredientes, não quer dizer que ela proíbe o uso de compostos nocivos, ela apenas limita sua quantidade.

Mas mesmo que a indústria use somente as quantidades permitidas, esses ingredientes continuam sendo perigosos, e oferecem sérios riscos à saúde, em curto, médio e longo prazo.

Esses ingredientes muitas vezes estão “disfarçados” com nomes difíceis de ler e de pronunciar. Mas, nós criamos uma tabela com alguns deles, olha só:

 

Ingredientes Na embalagem Onde é encontrado Danos relacionados
Parabenos Paraben (parabeno), Methylparaben (Metilparabeno), Butylparaben (butilparabeno), propylparaben (propilparabeno) Conservante usado em vários cosméticos infantis, entre eles: shampoos, sabonetes líquidos, condicionadores, hidratantes. Influenciam no sistema hormonal e estão ligados ao câncer de mama
Propilenoglicol (PEGS) propylene glycol (propilenoglicol) Diluente usado em vários cosméticos infantis, shampoos, sabonetes líquidos, condicionadores, hidratantes. Causa problemas de pele, como alergias e irritações e danos aos rins
Formaldeído e liberadores de formol Formaldehyde-relesing preservaties (conservantes que liberam Formáldeído): Quarteniun-15 (Quatérnio-15), DMDM Hydantoin (DMDM Hidantóina), Diazolidinyl Urea (Diazolinidil Uréia), Imidazolinidyl Urea (imidazolidinil Uréia) ou Methenamine (Metenamina) Conservante, usado em vários cosméticos infantis, shampoos, sabonetes líquidos, condicionadores, hidratantes. Ligados a problemas graves de pele, dores de cabeça e inclusive câncer
Óleo mineral e outros derivados de petróleo Mineral oil, paraffin oil. Petrolatum (Petrolato) Proveniente do petróleo, têm propriedade emoliente (hidratante), usado em vários cosméticos infantis, shampoos, sabonetes líquidos, condicionadores, hidratantes. Causam doenças por deficiências de vitaminas, pneumonia e vários tipos de câncer
Fragrâncias, perfumes e corantes sintéticos Parfum, CI-Color Index Substancias sintéticas, utilizadas para perfumar e colorir cosméticos infantis Corantes e essências podem causar alergias na pele e problemas respiratórios. Alguns estão relacionados ao câncer, neurotoxicidade e infertilidade
Sulfatos Sodium Laureth Sulphate (SLES, Lauril Éter Sulfate de Sódio), Sodium Lauryl Sulphate (SLS, Lauril Sulfato de Sódio) Utilizado em produtos que formam espuma como shampoo, sabonete, espuma para banho Ressacam a pele, podem causar alergias e dermatites
Silicones Siloxanes (Siloxanos): Cyclotetrasiloxane, cyclopentasiloxane, cyclohesasyloxane e Cyclomethicone (Ciclometicone) Utilizado em hidratantes e condicionadores para dar um ‘toque aveludado’ ao produto Podem interferir no funcionamento hormonal e causar danos ao fígado
DEA, cocamide DEA, MEA e TEA DEA (Diethanolamine, Dietanolamina), cocamide DEA, MEA (Monoethanolamine, Monoetanolamina) e TEA (Triethanolamine, Trietanolamina) Usado em hidratantes, condicionadores, shampoos e sabonete Considerada potencialmente cancerígena
BHA e BHT Butylated Hydroxyanisole Butilhidroxianisol, Butylated Hydroxytoluene, Butil-hidroxitolueno Usado como conservante em vários cosméticos Interferência no sistema hormonal por serem considerados disruptores endócrinos e cancerígenos
Álcool isopropilico ou Isopropanol 2-Propanol (C3H8O) / Propan-2-ol Perfumes, cosméticos de hidratação pode ocasionar alergias e irritações na pele. Por inalação causa sonolência, vertigem, dores de cabeça, irritação nasal e da garganta, perda de apetite, vômito e diarreia

 

E em praticamente todos esses cosméticos convencionais você vai encontrar o EDTA ou alguns dos ingredientes dessa tabela. Faça uma experiência nesse momento, vá até o seu banheiro e leia os rótulos dos produtos que você usa. Com certeza você vai encontrar o EDTA em alguns deles.

Mas daí surge a questão: será que o EDTA é mesmo um vilão nessa história? A gente já vai te explicar isso, continue lendo.

 

Porque os cosméticos precisam de conservantes

Nossa intenção neste texto não é trazer conceitos de química, de como as substâncias reagem, nem nada do tipo. Queremos te explicar as coisas da forma mais simples possível, para você entender e começar a comprar cosméticos com mais sabedoria.

Mas então, como explicar de forma simples porque os cosméticos precisam de conservantes? Que tal a gente tentar um exemplo com comida? Acredito que fique mais fácil né?

Vamos para o clássico (e ao mesmo tempo polêmico) leite de caixinha. Você acha que o leite que é ordenhado na fazenda teria condições de chegar puro na sua mesa? Com certeza não. Porque o caminho que ele percorre até chegar a você é longo, então é preciso tecnologia e substâncias que o façam permanecer bom para o consumo pelo maior tempo possível.

A mesma coisa acontece com os cosméticos, eles precisam durar por mais tempo. E não só isso, além de durar eles precisam permanecer sempre do mesmo jeito: textura, cor e cheiro. Se o cosmético tem prazo de validade de 2 anos, por exemplo, nesses dois anos essas características não podem mudar.

Ou seja, a indústria precisa de algo para conservar os cosméticos da forma que eles devem ser. E é exatamente para isso que servem os conservantes.

Eles são substâncias químicas, que interagem com as moléculas de outras substâncias, impedindo que elas se deteriorem. E o EDTA é um desses conservantes.

 

O que são cosméticos naturais

Os cosméticos naturais são aqueles que têm 95% da sua fórmula composta por ingredientes naturais, ou seja, que sejam livres de aditivos químicos ou outras substâncias tóxicas para o corpo humano.

Os outros 5% da composição podem conter substâncias sintéticas, desde que sejam aprovadas pela ANVISA e por todos os outros órgãos reguladores.

Além disso, para ser considerado natural, os cosméticos também não podem ser testados em animais, todos eles precisam ser cruelty free.

E para substituir essas substâncias nocivas, geralmente você vai encontrar esses ingredientes em cosméticos naturais: extratos vegetais, óleos vegetais, óleos minerais, manteigas vegetais, óleos essenciais e corantes e pigmentos naturais.

E naqueles 5% de ingredientes sintéticos permitidos que falamos, é onde você pode acabar encontrando o EDTA, que tem uma função super importante. Já vamos explicar tudo sobre ele.

 

Quais os benefícios dos cosméticos naturais?

Os cosméticos naturais tem uma ótima compatibilidade com o corpo humano. Eles penetram melhor na pele e nos cabelos, ajudando a manter nossa saúde e qualidade de vida.

Por terem sua formulação quase que completamente composta por ingredientes naturais, os cosméticos naturais não causam alergias nem doenças de pele. E eles ainda podem ajudar a recuperar a pele de alergias causadas pelos cosméticos convencionais.

Além disso, os cosméticos naturais ajudam a preservar o meio ambiente, uma vez que se descartados se decompõem mais rápido na natureza.

O nosso Protetor Solar Físico por exemplo, não afeta os corais. Ao contrário dos protetores solares convencionais, que se desprendem da pele e acabam prejudicando o ecossistema marinho.

 

Diferenças entre cosméticos naturais e convencionais

Já sabemos que para ser considerado natural, o cosmético precisa ter 95% da sua composição formada por ingredientes comprovadamente naturais. E essa é a diferença entre os cosméticos naturais e os convencionais.

Ao contrário dos cosméticos naturais, que utilizam extratos vegetais e naturais, os cosméticos convencionais utilizam substâncias derivadas do petróleo, por exemplo, como os petrolatos.

Além disso, os cosméticos convencionais também utilizam silicones, parabenos, óleos minerais, alumínio, triclosan, ftalatos, propilenoglicol e outros ingredientes sintéticos que penetram na pele e podem causar sérios danos à saúde. Além de, é claro, a maioria deles conduziram testes em animais.

E muita gente acredita que o EDTA é um desses ingredientes super perigosos, já que ele está presente em praticamente todos os cosméticos convencionais. Vamos explicar isso agora.

 

O que são quelantes?

Os quelantes também são chamados de sequestrantes, e são muitos utilizados na indústria de cosméticos para evitar problemas de estabilidade como mudança de cor, cheiro e aparência.

Eles atuam complexando e inativando íons metálicos, como cálcio, ferro, cobre e magnésio, que são provenientes da água, ou de alguma outra matéria-prima da formulação do cosmético.

Esses íons metálicos podem causar sérios problemas na fórmula dos cosméticos, e os quelantes são usados justamente para impedir esses problemas.

O quelante mais eficaz e moderno é o EDTA. Ele cumpre sua função muito melhor do que outros quelantes como os citratos por exemplo.

 

O que é o EDTA?

EDTA é a sigla para ethylenediaminetetraacetic acid, ou edetetic acid. Ele é um agente quelante orgânico, que sequestra íons metálicos, como o cálcio, magnésio, cobre, ferro e manganês, que são encontrados principalmente na água.

Ou seja, o EDTA remove os metais pesados que estão presentes no meio, reduzindo a reatividade desses metais com os demais componentes de uma formulação cosmética, farmacêutica ou alimentícia.

 

Qual é a função do EDTA nos cosméticos

Por remover os metais pesados da fórmula dos cosméticos, o EDTA previne várias reações químicas indesejadas entre as substâncias.

O EDTA evita a alteração do cheiro, mudança de cor, degradação de insumos naturais como óleos e extratos vegetais, inativação de substâncias ativas como filtro solares, conservantes e fármacos.

Ele também impede a oxidação das vitaminas A e C, e evita a redução do poder de limpeza e de espumação dos sabonetes e shampoos.

Todas essas reações adversas que o EDTA controla, não são provenientes apenas da interação entre os ingredientes da fórmula dos produtos.

Em muitos lugares (no Brasil mesmo) a água é considerada dura, ou seja, rica em íons de cálcio e magnésio, que se combinadas às moléculas dos sabonetes e shampoos podem acabar causando a perda das funções desses produtos.

Ou seja, o EDTA ajuda a melhorar a estabilidade dos produtos, fazendo com que durem mais, já que normalmente demoramos um tempo considerável até usar um produto inteiro.

 

O EDTA é tóxico?

O EDTA não é considerado um composto tóxico, já que a sua molécula não consegue permear a pele humana.

E também existe o fato de que a concentração de uso do EDTA em cosméticos é muito baixa, varia de 0,01% até 0,1%, o que o torna um ingrediente bastante seguro.

Existe ainda um estudo do International Journal of Toxicology, que fala sobre o poder que o EDTA tem de aumentar a penetração na pele de outras substâncias que estejam presentes na formulação também.

Ou seja, a toxicidade é atribuída ao EDTA equivocadamente, já que ele mesmo não penetra na pele. Então, se ele aumenta a penetração de outras substâncias, e essas outras substâncias são nocivas, são elas que fazem mal, e não o EDTA em si.

Por isso, se o EDTA estiver presente em uma fórmula com ingredientes naturais e seguros, ele não representa risco algum à pele e à saúde do corpo em geral.

 

Diferença entre EDTA dissódico e EDTA tetrassódico

O EDTA dissódico é um pó cristalino branco, usado em formulações com pH menor que 7. Já o EDTA tetrassódico é um pó branco levemente amarelado, e é usado em formulações com pH maior do que 7.

 

Onde mais o EDTA é usado?

Com certeza o EDTA é mais conhecido pelo seu uso na indústria cosmética, mas sua aplicação alcança as mais diversas áreas:

  • usado na fabricação de produtos de limpeza

  • em produtos para a análise da dureza da água

  • em diversos processos químicos

  • na produção de óleo e gás

  • na agricultura como estabilizante de micronutrientes

  • usado como anticoagulante em exames de sangue

  • usado também em procedimentos odontológicos

  • na indústria alimentícia

 

Qual a nossa prioridade aqui na Verdi?

Aqui na Verdi Natural, nossa prioridade é produzir cosméticos naturais, que tragam benefícios para as pessoas e para o meio ambiente.

Diariamente buscamos seguir as palavras do nosso manifesto:

 

E se você pudesse criar seus filhos de uma forma mais sustentável? Proporcionar a eles saúde, bem-estar e consciência ambiental, de uma forma simples e pura? Nossa proposta é construir uma comunhão com o público, através de nossos valores.

A gente busca evolução e respeito, por isso acreditamos em todos os tipos de família e pessoas.

Queremos um mundo melhor.

Acreditamos que o amor e a empatia transformam o mundo ao nosso redor. Aceitamos nossas vulnerabilidades, mas nos reconhecemos fortes. Queremos preservar o mundo para as próximas gerações.

Trabalhamos por amor, para compartilhar, somar e transformar.

Sabemos que como seres humanos estamos em constante evolução. Assim como a árvore, precisamos ser podados para crescermos fortes  e extrair das dores e experiências, os aprendizados que nos tornam melhores e contribuam para esse caminho do desenvolvimento. Consequentemente daremos mais frutos.

 

Porque optamos por usar EDTA nos novos sabonetes?

A gente já entendeu que o EDTA não é ingrediente nocivo, e devido a sua baixa concentração de uso, não apresenta nenhum risco para a saúde. Mas ele continua sendo um produto sintético, então porque optamos pelo seu uso nos nossos novos sabonetes?

Primeiro de tudo, se o EDTA fosse um ingrediente nocivo, como os silicones e petrolatos por exemplo, nós nunca colocaríamos ele nos nossos produtos.

E mesmo sendo um ingrediente sintético, ele está permitido naquela margem de 5% da ANVISA, que falamos mais no começo do texto. E nos nossos sabonetes usamos 0,093% de EDTA na massa base.

Mas afinal de contas, porque escolhemos usar o EDTA? Talvez a palavra certa aqui não seja “escolhemos” e sim “precisamos”.

Os nossos primeiros sabonetes (e que ainda estão disponíveis no site, por enquanto), são feitos artesanalmente, sem nenhum tipo de ingrediente sintético. O que seria perfeito, se o produto conservasse as características iniciais até chegar na sua casa.

Os nossos sabonetes artesanais estavam sofrendo com as ações do tempo, acabavam suando e diminuindo seu tamanho, ou até mesmo tinham a sua cor levemente alterada.

Apesar de isso não significar que o produto esteja estragado, nossa missão é entregar um produto de qualidade em perfeitas condições para ser usado. Nós sabemos que o produto continua tendo a mesma qualidade, mas os nossos clientes merecem o melhor sempre.

E vocês notaram que o que estava acontecendo com os nossos sabonetes era exatamente o que o EDTA evita que aconteça? Então, nesse ponto precisamos fazer uma escolha, e nós demoramos bastante tempo pesquisando e estudando para então decidir.

Acabamos optando pelo uso do EDTA, na menor quantidade possível, para manter o nosso produto com qualidade até chegar na sua casa, e o mais importante, sem abrir mão da segurança.

Por isso, você pode ter certeza, os nossos produtos continuam sendo seguros, naturais e perfeitos para uso dos bebês e de toda a família.

 

Conclusão: o EDTA é mesmo o vilão dos cosméticos?

E se depois dessa leitura você ainda continua com alguma dúvida, fique tranquilo. O EDTA é sim um componente seguro nas nossas formulações.

Lembra né? O EDTA aumenta o poder de penetração das outras substâncias presentes na fórmula, portanto, se os ingredientes são nocivos, o EDTA potencializa isso.

Como, nos nossos sabonetes em barra ele está presente com outros ingredientes naturais e seguros, ele também acaba se tornando seguro. Isso quer dizer que você pode continuar usando os nossos novos sabonetes sem medo, eles continuam trazendo inúmeros benefícios para você.

Não se esqueça de conferir o nosso site para conhecer os nossos sabonetes e todos os nossos outros produtos, que podem ser usados por toda a família.

Acompanhe também as nossas redes sociais.

  • Por: R$ 24,90
    Comprar

    Sabonete facial Desintoxicante e Adstringente de Argila Verde

    Sabonete facial de Argila Verde é mineralizante, Desintoxicante e Adstringente. Matéria-prima orgânica, produto artesanal e vegano. Cosméticos 100% Naturais. Compre Online, Enviamos para Todo Brasil. Verdi Natural.

  • Por: R$ 23,90
    Comprar

    Sabonete Corporal Antisséptico e Revigorante Melaleuca e Capim Limão - Family Care

    Sabonete corporal de Antisséptico e Revigorante de Melaleuca e Capim Limão com BIOATIVO. Matéria-prima Orgânica, produto Artesanal e Vegano. Terapêutico. Compre Online, Enviamos para Todo Brasil. Verdi Produtos Naturais para Bebê e para a Famíli

  • Por: R$ 24,90
    Comprar

    Sabonete facial Dolomita, Arroz e Aveia

    Sabonete facial Dolomita, Arroz e Aveia é mineralizante e previne o envelhecimento celular. Matéria-prima orgânica, produto artesanal e vegano. Cosméticos 100% Naturais. Compre Online, Enviamos para Todo Brasil. Verdi Natural.

  • Por: R$ 24,90
    Comprar

    Sabonete facial Lifting e Clareador de Argila Amarela

    Sabonete facial de Argila Amarela é mineralizante, Lifting e Clareador. Matéria-prima orgânica, produto artesanal e vegano. Cosméticos 100% Naturais. Compre Online, Enviamos para Todo Brasil. Verdi Natural.